1906_NUM_Icone_NM_NMAS_V6
Manuseio de Materiais | Além da Estrada | 06.12.pm

Descubra o mundo dos portos e terminais em cinco perguntas

Compartilhar com
O setor portuário é um mundo fascinante e misterioso. Muitos de nós só os conhecemos por meio de filmes de crime que retratam negócios ardilosos em suas entranhas sombrias. Poucos de nós compreendem suas operações que funcionam 24 horas, que são altamente simplificadas e que mantêm o mundo abastecido com todos os tipos de mercadorias – ou as máquinas que mantêm essas operações funcionando.

Estávamos curiosos para saber mais, então sentamos com nosso especialista em portos, Dominique Morel, para descobrir como milhões de contêineres são carregados diariamente para dentro e fora de navios em todo o mundo. E porque somos obcecados por pneus, obviamente perguntamos sobre isso.

Os pneus Camso são usados para tratores e reboques terminais, manipuladores de contêineres, bem como outros veículos que trabalham em portos em todo o mundo para atender aos desafios de segurança e tempo de retorno das embarcações.
01.

Qual é a diferença entre porto e terminais?

Um porto pode ser descrito como uma localização geográfica – como o porto de Mina Jebel Ali em Dubai ou o Porto de Roterdã—e pode ser extremamente grande. O Porto de Roterdã se estende por 40 km e é o maior porto da Europa.

Apenas alguns portos são grandes e profundos o suficiente para acomodar as embarcações maiores e, mesmo assim, a embarcação pode precisar esperar a maré certa para entrar no porto e descarregar.
Question 1
Os portos são divididos em terminais. Dependendo de seu tamanho, uma porta pode ter de algumas a várias dezenas de terminais. Um terminal pode ser descrito como um conjunto de docas, cada uma com seu próprio foco. Alguns navios-tanque carregam petróleo, hidrocarbonetos e gasolina, enquanto outros dispõem de rampas de acesso e vagas de estacionamento para carga/descarga de veículos. Outros ainda possuem silos para grãos importados/exportados.

Cada terminal do porto é operado por um ou mais operadores privados concorrentes, aos quais foi concedida uma concessão ou arrendamento para carga e descarga de navios por um determinado número de anos. Esses operadores são os únicos responsáveis por todas as atividades de carga e descarga. Em contraste, a autoridade portuária (geralmente uma entidade pública, mas às vezes privada) gerencia a infraestrutura externa do porto – ferrovias, estradas, etc. a fim de garantir que as mercadorias possam entrar e sair facilmente do porto por terra.

Alguns grandes operadores de terminais incluem APM Terminals, Dubai Port World (DPW) e Hutchison Port Holding (HPH).

Contêineres de transporte
são comuns nos portos. O comprimento padrão do contêiner é de 20 pés (cabendo dois carros de tamanho padrão) ou 40 pés (aproximadamente o tamanho do trailer de um caminhão de 18 rodas). A quantidade de tráfego de contêineres que um porto pode lidar é medida em unidades equivalentes a vinte pés (TEUs). É comum o tráfego de um porto estar na casa dos milhões de TEUs.
Question 12
02.

QUAIS SÃO OS MAIORES PORTOS DO MUNDO?

Dado o forte foco da China nas exportações, não é surpresa que ela domine a lista dos maiores portos do mundo.

CINCO MAIORES PORTOS DO MUNDO*:
1. XANGAI (CHINA)
2. CINGAPURA
3. SHENZEN (CHINA)
4. NINGBO-ZHOUSHAN (CHINA)
5. PORTO DE GUANGZHOU (CHINA)
Question 2
*Dados de referência de: https://www.worldshipping.org/...
03.

QUAIS SÃO OS DIFERENTES VEÍCULOS QUE VEMOS NOS PORTOS? O que exatamente são e o que fazem?

Existem quatro atividades principais em um terminal de contêineres:

- OPERAÇÕES DE CAIS: entrada e saída da embarcação no porto
- OPERAÇÕES DE GUINDASTE: transporte de contêineres do cais para a zona de empilhamento
- OPERAÇÕES DE PÁTIO: empilhamento dos contêineres
- OPERAÇÃO DE PORTÕES: carregamento dos contêineres em caminhões ou trens


Essas atividades também acontecem no sentido inverso.
Question 3
Várias máquinas comuns fazem esse fluxo ocorrer:

Carros-pórticos:
usados para transportar e empilhar até 4 contêineres. Também podem carregar contêineres em reboques saindo do porto—8 pneus.
Question 32
Terminal de trator e reboques: usado para transportar contêineres do cais para a zona de empilhamento. Como o torque é mais importante do que a velocidade no transporte de cargas pesadas, esses caminhões têm um velocidade máx. de 25 mph (40 km/h) e muitas janelas para visibilidade do motorista—6 pneus (trator) e mais comumente de 8 a 12 pneus (reboque).
Question 33
Vários guindastes: guindastes de pórtico de pneus de borracha (RTGs), guindastes de pórtico montados sob trilhos (RMGs): usados para levantar contêineres de reboques ou veículos guiados automaticamente (AGVs) e empilhar até 7 contêineres para maximizar o espaço de armazenamento. RTGs e RMGs são usados igualmente em todo o mundo, enquanto guindastes de empilhamento automatizados (ASCs) são normalmente usados com veículos guiados automaticamente (AGVs). Guindastes também podem carregar caminhões saindo do porto; RMGs também são usados para carregar trens—até 16 pneus.
Question 34
Veículos guiados automatizados: usados para transportar contêineres para o pátio de empilhamento, muitas vezes em conjunto com outras máquinas automatizadas. Os AGVs estão ganhando popularidade, especialmente em portos asiáticos em rápido desenvolvimento—4 pneus.
Question 35
Empilhadeiras Reach Stacker: usadas para empilhar contêineres ou carregá-los em trens—6 pneus.
Question 36
Manipuladores de contêineres vazios: usados para pegar e empilhar recipientes vazios com até 8 contêineres de altura—6 pneus.
Question 37
Manipuladores de contêineres carregados (ou laden) (também conhecidos como grandes empilhadeiras): usados para levantar contêineres do topo das pilhas, empilhar contêineres carregados ou carregá-los em caminhões—6 pneus.
04.

COM QUANTOS CONTÊINERES UM PORTO OCUPADO PODE LIDAR DIARIAMENTE?

Os maiores portos do mundo podem movimentar até 100.000 contêineres em um único dia, mas a maioria dos grandes portos movimenta entre 10.000 e 20.000 por dia. Para manter esse ritmo, segurança e produtividade têm sido vistos como os principais desafios das operações portuárias. Vamos cavar um pouco mais fundo.

Quais são os desafios de produtividade do setor portuário?

- A SEGURANÇA É O PROBLEMA Nº 1 NOS PORTOS


Os operadores geralmente trabalham em altitude — até 12 m (40 pés) para um pórtico móvel. Além disso, tratores com reboques circulam em áreas portuárias muito movimentadas e com muito tráfego de caminhões, portanto, o risco de acidentes é alto. Os AGVs eliminam esse risco porque essas máquinas estão conectadas e comunicam constantemente suas posições, velocidades, etc. umas com as outras. A automação é uma grande tendência nos dias de hoje, impulsionada por preocupações com segurança e produtividade. Os custos trabalhistas são outro fator determinante, pois os custos e os desafios de treinamento, retenção, etc. de funcionários podem realmente afetar os resultados.


- A PRODUTIVIDADE É OUTRA QUESTÃO CHAVE NA INDÚSTRIA PORTUÁRIA


Operadores de terminais que trabalham no mesmo porto competem constantemente entre si. Isso significa muita competição próxima e intensa. Os grandes guindastes que descarregam embarcações não podem parar de funcionar, senão fica muito caro. Isso significa que eles não podem esperar por outras máquinas na cadeia.


- A SUSTENTABILIDADE ESTÁ CRESCENDO RAPIDAMENTE EM IMPORTÂNCIA


Novos portos e projetos de desenvolvimento agora precisam atender a metas e requisitos de sustentabilidade mais rígidos, como a neutralidade de carbono – outro fator que os operadores de terminais precisam ter em mente.
05.

QUE MERCADORIAS SE MOVEM PELOS PORTOS?

Praticamente tudo—desde os alimentos perecíveis que comemos, que são enviados em contêineres refrigerados (também conhecidos como frigoríficos), até os carros que dirigimos. Junto com granéis líquidos (gasolina, petróleo, combustível, etc.), granéis secos (minério, carvão e outros minerais) e todos os tipos de bens de consumo. A lista continua.

Esperamos sinceramente que este artigo tenha ajudado você a aprender um pouco mais sobre o impressionante mundo dos portos, as máquinas que trabalham lá e seus desafios diários.
Se você quiser mais informações sobre como nossos serviços e soluções de pneus para Manuseio de Materiais pode ajudá-lo a atingir suas metas de produtividade, esteja você trabalhando em um porto, aeroporto ou armazém, veja como encontrar um revendedor em sua área.